30 de dezembro de 2012

Olha pro horizonte, e me diga o que vê.

Que essa música nos inspire o ano todo.
Ao som daquela música ali de cima, vamos para nosso último post do ano. Eu queria poder estar junto com algumas de vocês para escrever, tinha que ser algo especial. (kk)
Se bem que a letra da música diz quase tudo o que eu tenho vontade de dizer. Se a gente pudesse passar a virada juntas com essa música, ou outra, desde que estivéssemos juntas, seria mais que maravilhosamente empolgante. Mas tudo bem, ainda temos um ano para fazermos bastante baderna, ainda há tempo.
Por mais que ano que vem a Lili não vai estudar conosco, e nem mesmo a Raque. Dá um aperto aqui dentro pensar em como a gente pode fazer do ano que vem ainda mais especial que esse, sem elas junto. Faz parte. É o que dizem.
Eu tava pensando aqui o quanto eu tô com saudade de passar a madrugada olhando pro céu lá na tua casa Géh, há que saudade.. a gente não pode voltar no tempo, mas a gente ainda vai fazer aquilo de novo né? diz que siiim.. (rs)
É em fevereiro ou em março que a onça vai lá na Kau? Temos que ir lá de novo correr dela. (kk) Imagino? Dessa vez a gente ficaria lá na barraca né? A Nessa já tava pronta pro combate mesmo.
 Essas são as coisas que eu não vou esquecer, esqueço muito, mas isso nunquinha. Bem que vocês poderiam vir mais vezes aqui também. Claro que não é tão legal como ir lá na Raque, mas dá pra brincar de esconde-esconde (kk). Ah e uma novidade, peguei mais uma cadelinha pra cuidar, o nome é Pedrita, ou Pêdra, ou ainda Prenda.
Ano que vem vai ser O ano. Quero dizer, vocês sabem o que eu quero dizer. O último. Haa.
E o melhor. Vai ser o melhor. (porque eu tô empolgada aqui, pulando no banquinho,rs). A sala vai ser praticamente a mesma, e eu simplesmente sinto isso, vai ser o tipo de turma festeira (ó eu dizendo isso).
Mas a gente pode fazer isso né? Esquecer toda as mágoas desse ano, porque por mais poucas e não tão perceptíveis, ainda teve. A gente pode deixar de lado a parte ruim, todas aquelas coisas tipo raiva de alguma colega, um garoto idiota, amor não correspondido já tá na hora de deixar pra trás, a Kau concorda comigo né? (kk).
Eu sei que vocês acharam esse ano muito bom. Eu vou ser bem sincera em dizer que eu não achei. Melhor que ano passado sim, mas não especial. Passei quase todos os dias do ano fugindo de me expor, só me escondendo, não sei se deu pra perceber. Esse ano vou fazer escândalos, (rs) brincadeira. Mas vou tentar ser diferente (vou tentar mais uma vez). E se eu posso conseguir essa proeza então nós todas podemos fazer melhor, deixar de ser insensível né. Essa bosta de frieza já ta me enchendo, vamo ser mais espontâneas. Nós mesmas.
Eu não sei mais o que escrever, mas eu juro pra vocês que eu vou me esforçar pra dar mais valor, me comprometer mais com todas vocês, juro. 

Eu vejo a vida melhor no futuro
Eu vejo isso por cima do muro
De hipocrisia que insiste em nos rodear
Eu vejo a vida mais clara e farta
Repleta de toda a satisfação
Que se tem direito do firmamento ao chão

Hoje o tempo voa, amor
Escorre pelas mãos
Mesmo sem se sentir
E não há tempo que volte amor
Vamos viver tudo o que há prá viver
Vamos nos permitir
Vamos nos permitir

Hoje o tempo voa, amor
Hoje o tempo voa, amor
Eu quero crer no amor numa boa
E que isso valha prá qualquer pessoa
Que realizar a força que tem uma paixão
Eu vejo um novo começo de era
De gente fina, elegante e sincera
Com habilidade pra dizer mais sim do que não

Hoje o tempo voa, amor
Escorre pelas mãos
Mesmo sem se sentir
E não há tempo que volte amor
Vamos viver tudo o que há prá viver
Vamos nos permitir
Vamos nos permitir
Vamos nos permitir
Queria eu agora, conseguir passar a minha energia e empolgação para vocês. Queria abraçá-las. E pular.

6 comentários:

  1. HAHA, me empolguei também...
    Espero que vocês estejam descansando bastante nessas férias, porque o ano vai ser longo, louco e melhor que todos os outros! (:
    E nada da melancolia por causa da despedida, ok? (talvez no final doo ano só) (:
    Queria passar mais tempo com vocês nessas férias, mas tá meio complicado isso.

    ResponderExcluir
  2. É aquela aglomeração de parentes e familiares, aí tá difícil de sair, rs.
    Vou viajar amanhã, e quando voltar, vamos todas (quem puder) lá na Kau, dar um susto na onça? HAHA
    Tô com saudades }:

    ResponderExcluir
  3. Ps.: É tão bom ficar aqui ouvindo a nossa Playlist! *-*

    ResponderExcluir
  4. ah, como eu queria passar mais uma daquelas noites na barraca olhando as estrelas, mesmo que no final sobre só eu e a Nessa acordada haha ):
    Ps.: Tô com saudades besouras rs

    ResponderExcluir